enough is enough

 

Acabei de terminar a monografia da minha terceira pós-graduação. Contando com a da faculdade, já escrevi quatro desses enervantes trabalhos de final de curso. E não, não digo isso para me gabar, mas para tentar entender a razão de tanto sofrimento. Foi um parto normal atravessado, como disse durante todo o processo. O pior trabalho que já escrevi na vida. E tive ajuda de tanta gente boa (diretamente): Viviani, Verônica, Claudinha, Carolina, Ione, André e Elisângela… Todos incríveis; eu sou tão sortuda de tê-los ao lado. E os que eu amei conhecer e que, de alguma forma, contribuíram para essa pós ser concluída: Monica, Aderbal, Karine, Larissa, Isadora, Juliana, Liana, Roberta, Flavia, Augusto, Lilian, Mariana, Leonardo, Ricardo, Vania e Anna.

Acho que saquei o porquê de tanta dificuldade; foi a primeira pós que fiz amigos de verdade, e agi como faço com os livros que amo: fico adiando o final para tentar prolongar a alegria.

Obrigada a todos!